Edifício Monteiro (Prédio CIG) St. Oeste - GAMA DF   |    +55 61 98525.8032   |   61 3970.0170
Exames

Exames Realizados

oftalmologia em geral

Mapeamento de Retina

É um exame complementar em que todo o fundo do olho e suas estruturas são avaliados. Diferente da fundoscopia simples porque, neste exame, só as estruturas centrais do fundo do olho são visualizadas.

O mapeamento da retina é feito com a utilização de um aparelho chamado oftalmoscópio indireto e com o auxílio de uma lente que o médico segura entre o olho e o aparelho.

Quando deve ser feito o mapeamento?

  • Baixa de visão não justificada pela falta de óculos adequados;
  • Queixa que possa estar relacionada a alterações internas do olho;
  • Check up para todas as idades, principalmente com mais 50 anos de idade.
  • Quando há uso de medicações que possam ser tóxicas para a retina.
  • Periodicamente em pacientes míopes: Retina mais predisposta a degenerações periféricas.
exame tonometria

Tonometria

Método utilizado para medir a pressão intraocular. Pode ser realizado em qualquer paciente, principalmente naqueles portadores ou suspeitos de glaucoma.

Como é feito o exame: Pode ser feito com auxílio de aparelhos com sistema de aplanação ou de sopro. No primeiro caso o tonômetro é aproximado até encostar no olho (anestesiado com colírio) e a tensão do aparelho é regulada para efetuar as medições.

exame teste no olhinho

Teste do Olhinho

Permite avaliar, já nas primeiras horas de vida, a presença de algumas doenças oculares. Pode ser realizado através de dois métodos:

Mapeamento de Retina: Já explicado acima.

Oftalmoscopio:

Uma fonte de luz sai de um aparelho chamado oftalmoscópio, parecido com uma "lanterninha", e é observado o reflexo que vem das pupilas. Quando a retina é atingida por essa luz, os olhos saudáveis refletem tons de vermelho, laranja ou amarelo.

Em algumas doenças, não é possível observar o reflexo ou sua qualidade é ruim, esbranquiçada. A comparação dos reflexos dos dois olhos também fornece informações importantes, como diferenças de grau entre olhos ou o estrabismo.

Teste do Olhinho

O teste do olhinho previne e diagnostica doenças como a retinopatia da prematuridade, catarata congênita, glaucoma, retinoblastoma, infecções, traumas de parto e a cegueira.

exame paquimetria corneana

Paquimetria Corneana

É a medida da espessura da córnea. A córnea é a membrana transparente através da qual visualizamos a íris que dá cor aos olhos, e a pupila.

Fazendo uma comparação para facilitar a compreensão, a córnea corresponderia ao vidro de um relógio através do qual vemos o mostrador e os ponteiros.

Além de permitir a passagem da luz que vai dos objetos até a retina, a córnea funciona como uma poderosa lente, focalizando as imagens.

A paquimetria é um dos exames de que dispomos para avaliar a espessura da córnea. Mudanças na espessura da córnea podem estar relacionadas a alterações da curvatura com repercussão na qualidade de visão.A medida da espessura da córnea ou paquimetria pode ser feita em qualquer paciente em que haja suspeita de alteração da espessura da córnea.

exame topografia

Topografia

O exame de ceratoscopia verifica qual é a curvatura da córnea.

Como é feito o exame de ceratoscopia?

O exame é realizado com um equipamento no qual o paciente fica posicionado e olha para frente. O equipamento medirá a curvatura da córnea do paciente. Com esse exame é possível obter o diagnóstico de diversas patologias corneanas. O procedimento é indolor e não há contato com os olhos do paciente.


Porque é realizado o exame?

O exame serve para diagnosticar, principalmente, o ceratocone, mas também é indicado para os casos de astigmatismo irregulares, pré-operatórios de cirurgia refrativa, pré-operatório de cirurgia de catarata, para adaptação de lentes de contato, pós-operatório de transplante de córnea entre outros casos.


Orientações

Recomenda-se não utilizar lentes de contato 3-7 dias antes do exame ou a critério médico.

exame microscopia especular

Microscopia Especular

É um exame que analisa a córnea, realizando a contagem do número de células da camada mais interna da córnea e apresentando o aspecto destas que podem apresentar algum tipo de degeneração ou distrofia.

Serve para a avaliação quantitativa e qualitativa das células endoteliais, responsáveis pela integridade e transparência corneana. Importante na avaliação pré e pós-operatória de cirurgias refrativas e de catarata e no acompanhamento de doenças corneanas.

Indicações
É indicado em pacientes que serão submetidos a cirurgias oculares como cirurgia de catarata, transplante de córnea, cirurgia refrativa e acompanhamento de pacientes usuários de lente de contato.

Orientações
Suspender o uso da lente de contato.

Entre em Contato

Edifício Monteiro (Prédio CIG)
QUADRA 10 L 16/17, Sala 204 (2º Andar) ST. OESTE, GAMA-DF

 +55 61 98525-8032   |   61 3970.0170

Redes Sociais

Siga-nos:

centro brasileiro de oftamologia logotipo

Responsável Técnico Dr. Tobias Botter Fernandes
Oftalmologista - CRM-DF: 21911

Desenvolvedor do site Marketing Digital
e Criação de Sites